Quando tudo falha...

É tão bom quando tudo vai bem na vida. Mas sabe quando tudo começa a desmoronar,decepções com pessoas, no trabalho, contas que viram verdadeira bola de neve... Enfim, aspectos que fazem vc querer se jogar da ponte...rs Bem, é algo que uma pessoa em sã consciencia não faria, mas que dá vontade, ah se dá...
Hoje, meu dia começou bem estranho. Sou adventista e a igreja fica do outro lado da rua. Mas hoje não quis ir ali. Fui à igreja de Moema, onde fiz aquele programa que divulguei meses atrás. Parece que tudo estava programado para que lá fosse eu e fui pronta para ir ao Café Athenas depois, encontrar minhas amigas tricoteiras. Elas são o máximo!
Na igreja, o sermão foi pra mim. Ele falou sobre que não devemos perder a fé ou retrocedermos agora, pois avançamos demais e não dá pra voltar atrás mais. Que a nossa confiança em Deus terá recompensa; assim, ele terminou o sermão com o clipe do Arautos do Rei, Só um pouco mais. Clique aqui para assistir ao clipe e tentar sentir o que eu senti.
Depois fui lá na rua Augusta, no café que falei acima e quando saí de casa, tive o insight de levar alguns dos meus cds, a fim de tentar ganhar um extra. No fim do encontro, consegui vender 6 cds.
Lições quanto aos problemas:
  1. Este não é o primeiro e não será o último. Portanto, não compensa se descabelar.
  2. Olhe pra trás e veja quão tolo(a) vc foi e o problema se foi... se conseguir se lembrar dos gritos dados a pessoas que não tinham a ver com seu problema, as decisões precipitadas que vc tomou, pois pensou subitamente que seria a melhor escolha, mas não foi... a lista é enorme. Mas tentando olhar o passado, vc rirá dos problemas.
  3. Confie em Deus. Só Ele conhece seus problemas, por maiores que sejam. Ele te criou, te conhecendo desde quando era um óvulo/espermatozóide que virou um zigoto, que foi se transformando, transformando... Ele conhece o que vai no íntimo do seu coração e quer, mais que qualquer coisa, que vc entregue seus problemas a Ele, que pode solucioná-los num piscar de olhos. Imagina o amor que Ele tem por vc, a ponto de fazer vc perder o avião, que mais tarde, colidiu com a montanha, que cuida dos mínimos detalhes da sua vida, detalhes que só parando pra analisar a perfeição com que foram cuidados. Sabe aquela pessoa que estava no lugar exato, na hora exata e que disse a vc as palavras que precisava ouvir naquele momento, ou quando se sentiu sozinho e de repente, ao ligar o radio, começa a ouvir aquela música que fala algo só pra vc. Vc olha ao redor, a fim de ver se alguém o vê, mas é só vc e o radio que ali estão.
  4. Chore, se necessário. Há momentos em que a dor é tanta, que vc não consegue pronunciar uma palavra, cantar, sorrir. Me senti assim hoje, viu e me desidratei...rs Entretanto, foi a melhor coisa que fiz, juntamente com a busca constante ao Senhor. Chore e deixe sair toda a lágrima que puder liberar. Depois, pode ser que sinta a cabeça um pouco pesada, o corpo mole, mas com certeza, a calma virá ao seu coração e poderá refletir novamente, na busca de uma solução.
Bem, querido(a), é assim que meu dia está terminando: em paz. Por mais que os problemas possam me perturbar, a confiança em Deus é maior, ante as Suas promessas de que estaria comigo.
Grande beijo e tenha uma feliz semana!!!

Programa Especial - 03/10 - São José dos Campos

Gente, acho que lembram do programa que anunciei há em abril, o qual fiz na Igreja Adventista de Moema. Bem, lá contei minha história, cantei... enfim, foi um programa muito bom, tirando o fato de que poderia ter mais público. Estávamos na véspera de feriado. Mas beleza.
Dia 03 de outubro, sábado, farei outro programa. Desta vez, em São José dos Campos. Estarei cantanto em toda a programação do dia e no programa jovem, por volta de 17h, será o momento em que contarei a minha história e cantarei mais músicas.
Você está convidado, se você morar próximo.
A Igreja Adventista do Sétimo Dia fica na Avenida Tenente Névio Baracho, 238. Como chegar, indo de São Paulo:
Depois de passarem por Jacarei pela Dutra, quando estiverem chegando em São José dos Campos, irão ver uma placa indicando uma saída para o Litoral. Tomando essa saída, vocês irão andar pela marginal da Dutra. Um pouco adiante, uma nova saída indicando Litoral novamente. Tomando essa saída, sigam até o primeiro semáforo. No semáforo, virem à esquerda e vão até o final dessa avenida (essa avenida se chama Av. Dr. Nelson D'avila, depois ela muda o nome para XV de Novembro, mas é a mesma avenida). No final da avenida existe uma pracinha (se não me engano, ela se chama Praça Padre João, onde se encontra a igreja matrix). Passando pelo sinal que existe em frente à praça, a rua se divide em três: uma à direita, outra à esquerda e a do meio. Indo pela do meio, vocês estarão na Avenida da Igreja Central (Av. Tenente Névio Baracho, 238).