Conhecendo um pouco da Mi

A razão pela qual me encontro numa cadeira não é por lesão medular, se bem que, com o passar do tempo, a mente sofreu algumas lesões... rss, mas é em virtude de uma doença chamada Atrofia Muscular Espinhal (AME) Tipo III, ou a antiga Amiotrofia Espinhal Progressiva.
Em minha infância, fui uma criança extremamente arteira, levando surra toda sexta-feira. Olha, se eu fosse enumerar minhas artes, precisaria catalogar por semana...rs
Andava, corria (mesmo que perdesse a corrida sempre), pulava corda, elástico, andava de bicicleta, brincava de "Xou da Xuxa", onde eu era a Xuxa (craro), subia em árvores, via desenho a manhã toda enfim, uma criança normal.
Quando estava no segundo ano, o professor de Educação Física notou minha dificuldade em realizar os exercícios físicos, recomendando mamãe a procurar um médico. A partir daí começou minha segunda vida. De um médico para outro, fui submetida a exames horríveis que não diagnosticavam qualquer anomalia.
A doença foi diagnosticada aqui em Sampa quando eu tinha dez anos e o médico, por acompanhar alguns casos de AME, com base nestes, alertou mamãe a respeito das consequências da doença:
- perda progressiva da força muscular;
- parada progressiva da capacidade de andar, o que inclui subir degraus, rampas, depois dificulta andar sem apoio...
- quedas sem serem provocadas;
- a ida pra cadeira de rodas;
- a incapacidade de permanecer sentada, devido à grande fraqueza muscular,
- a ida pra cama e, consequentemente, a perda dos movimentos dos braços, seguida da perda da voz
- parada cárdiorrespiratória e por fim, a morte.
Como sempre digo que vaso ruim não quebra, embora consiga alguns rachos fenomenais, o que aconteceu comigo foi apenas até a metade, quando aos doze anos, parei de andar e mais nada progrediu, além de uma escoliose básica.
Abaixo está um video que gravei na IASD Brooklin e a voz que era pra eu ter perdido está sendo utilizada... dê uma olhada:

video

Tudo o que sou hoje devo a Deus. Não tenho dúvidas do quanto sou amada e vc poderá mais tarde ler sobre as minhas quedas fantásticas. Não vou contar agora, pra não perder a graça.

Bjks

4 comentários:

  1. Voce é maravilhosa.. em todos os sentidos.. Que Deus te abençõe.. te amo Daiana

    ResponderExcluir
  2. Que Deus te abençoe grandiosamente para que consiga supera cada vez mais as etapas de sua vida . Tem que horar e agradecer ao nosso SENHOR por ter entrado em sua vida e nao ter permitido que a doença se agravasse mais . te desejo tudo de bom linda e que nosso Senhor te abençoe grandiosamente iluminando seu trajeto de vida e mostrando que a cura se encontra em poder dele e so orar acreditar e entregar sua vida a ele. bjao FIQUE COM DEUS!!!

    ResponderExcluir
  3. Nossa, me emocionei com o que você escreveu.
    Comecei a ouvir sua voz maravilhosa e só depois de 1 minuto de video que eu fui ler o que estava escrito. Não pude conter as lágrimas, me emocionei de verdade.

    Desejo a ti toda felicidade e força para lutar, sua voz é linda, assim como você.

    Que DEUS te abençoe, de coração !

    ResponderExcluir