O sonho de Deus é maior...

Meus queridos, gostaria de compartilhar com vccs minhas últimas novidades. Bem, nos últimos meses, estava com problemas sérios, com descontroles financeiros, de forma que toda a preocupação de manter meu nome limpo se transformou em uma significcativa depressão. É claro que nunca notamos tal momento e em muitas vezes, quem está ao nosso redor é quem vê que alguma coisa não anda bem com vc.
No meu caso, foi a doutora Maria Lúcia, médica da Dow. Devido a uns comportamentos um tanto diferentes do comum que eu tinha na empresa, a fez me procurar e me aconselhar a buscar ajuda psicológica. Na Dow, é oferecido um serviço de orientação psicológica, financeira, jurídica e social e tudo de grátis e lá foi eu buscar auxílio psicológico, para o qual tive direito a 6 sessões gratuitas, as quais foram fantásticas para eu colocar as coisas no lugar, aprendendo a me respeitar e a me valorizar como pessoa, dotada de talentos, qualidades e também defeitos, aprendendo a me amar como sou, bem como a mudar o que é necessário. O engraçado foi que as suas sessões me fizeram refletir sobre o meu comportamento para com Deus, uma vez que ele sempre me dizia coisas que eu esperava das pessoas, mas era o mesmo que eu estava fazendo com Deus.
Bem, com isso, fui me acalmando, mas ainda tinham as minhas dívidas, que não são poucas. Bem, algumas não têm jeito e vou ter de continuar pagando como o tenho feito até aqui.
Aí procurei novamente o programa EAP, da Dow, e pedi um aconselhamento financeiro e com isso, percebi que, para pagar as minhas dívidas e ainda conseguir guardar um dinheiro, precisaria fazer alguns cortes na minha despesa. E foi aí que entrou a Fernanda, uma amiga pára muito querida, que entrou em contato com uma amiga, Marina, que pegou um telefones pra que eu ligasse. Bem, no primeiro contato, me interessei pelo lugar, uma república de meninas que estudam no UNASP Campus I. Despesa: R$300, metade do que gasto atualmente. Ainda consegui um caminhão baú para fazer a minha mudança e terei busão pertinho. Só o tempo pra vir pro serviço que será alterado, mas isso a gente acostuma e se "adapita"...rs
A dívida no banco eu consegui renegociar e vou pagar metade do que pagaria agora, podendo assim, pagar mais de uma parcela e acabar logo com a dívida, bem como ainda ter dinheiro em caixa, o que é fantástico..
Queridos, a cada dia percebo que Deus sempre soube, sabe e saberá o que é melhor para nós. As maneiras em que ele trabalha são significativamente diferentes das nossas e nunca conseguiremos compreender quando as coisas não ocorrem quando e como queremos. Entretanto, quando vemos lá na frente, vemos o quante Deus nos ama e se pudéssmos olhar lá na frente, faríamos da mesma forma e no momento exato.
Tem uma música que diz o seguinte:
“Por maior que seja o seu sonho, o sonho de Deus é maior. Ele sabe o que você pede, mas o que Ele quer dar é melhor. Você hoje não pode entender, pois só pede o que cabe em suas mãos. Infinitos são os sonhos de Deus pra você”. Clique aqui para ver a música completa.

Tenha um ótimo dia!!!

Um comentário:

  1. Olá, tudo bem?

    Meu nome é Tomaz Saavedra. Eu e minha colega Marianne Peçanha estudamos Comunicação Digital na Universidade do Vale Do Rio dos Sinos, em São Leopoldo, região metropolitana de Porto Alegre. Nossa turma está realizando um projeto à ser apresentado para a Prefeitura de Porto Alegre, acerca de ações a serem realizadas para a Copa Mundial de Futebol em 2014, e nosso trabalho é baseado nas questões de acessibilidade para cadeirantes. Entendemos o quão importante é ouvir a opinião de pessoas que convivem com o problema, já que não podemos realmente sentir o que é conviver com isso, e queremos fazer a melhor solução possível, por isso elaboramos um pequeno questionário com pontos que achamos relevantes. Se você pudesse respondê-lo e nos enviar de volta para o e-mail tomaz_sm@hotmail.com, ficariamos muito agradecidos!

    Segue abaixo o questionário e algumas perguntas. Um abraço!

    Questionário

    Nome:
    Sexo:
    Idade:
    Cidade:
    Estado:
    Por quanto tempo por dia você costuma navegar:



    1 - A prefeitura na cidade onde você é competente no que diz respeito a obras civis com acesso para cadeirantes? Se não, você poderia citar alguns dos lugares aonde você acha mais complicado andar?
    2- O que você faz a respeito dos lugares que encontra maior dificuldade em acessar? Você tem o costume de falar com as autoridades competentes?
    3 - Você participaria de uma ação do governo visando saber o que os deficientes pensam sobre o acesso na cidade, comentando os possíveis lugares que poderiam ser reestruturados e votando em sugestões de outros participantes?

    Também pedimos que, caso você conheça outros cadeirantes ou pessoas com deficiência, repasse o e-mail para eles ou nos informe seus respectivos endereços de e-mail, para que possamos entrar em contato.

    Novamente, agradecemos pela sua atenção.

    ResponderExcluir